Sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021Eu devo-te 25, tu deves-me 25, e que tal cancelarmos a dívida que devemos um ao outro e sermos felizes? É, em português simples, o que propõe documento importante no contexto da União Europeia hoje assinado por Thomas Piketty. Temos também a ganza da paz na saúde, trotskismo no CDS (não estou a brincar garanto-te) e o António Guerreiro a desfazer às postas o jornalismo televisivo, que é para o lado que ele, jornalismo televisivo, dorme melhor. O pior é que quem leva com os roncos somos tu e eu.