Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

19 de junho de 2007

Ouço este senhor e fico a saber que os 1.200 milhões de euros foram, afinal, para os assessores

Fernando Negrão está a cometer um erro, com esta coisa dos assessores. Por escandaloso que seja, NINGUÉM, incluindo povo e até mesmo algumas elites das entusiasmadas, acredita que 1.200 milhões de euros se devem a excesso de assessores. Tenho pena — ele tem sido combativo, um verdadeiro sparring-partner que ajudou Costa no essencial: remeter Helena Roseta ao serviço cívico.