Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

18 de novembro de 2020

Quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Deixa-me apresentar-te Cecil. Cecil é o meu ajudante. Faz uma parte significativa do trabalho do diário. Agrupa e formata as sugestões da secção Opiniões, recolhe as páginas dos links que carrego para o linklog e decide se deve mandar traduzir, encarregando-se de aguardar a tradução, formata o output.

É também Cecil que junta as duas metades que fazem o corpo do diário, reformatando o conteúdo que edito usando a Medium, de forma a metê-lo nos arquivos do meu domínio e a juntá-lo ao linklog, que é fabricado num processo à parte, também por ele, Cecil.

Quem envia os emails às 23:55 é Cecil. Eu tento já estar a dormir ou muito perto disso ;)

Tenho planos para Cecil — o meu assistente digital pessoal, que ando a “ensinar” há um ano. Um deles é tu poderes interagir com Cecil de forma a pedir-lhe pequenas (e grandes) tarefas de auxílio à recolha e tratamento de informação. Sim: Cecil tem o seu próprio endereço de e-mail. É uma pessoa digital — não tenho outra forma de explicar em que consiste este ser composto por rotinas, algoritmos e até uma pequena dose de arbitrariedade (pronto: de pseudo-arbitrariedade…).

Dia político. Hoje ao almoço ouvi o vice-presidente do CDS Filipe Lobo d’Ávila à saída da audiência com o PR. Se este vice-presidente falasse sempre em público em vez de Francisco Rodrigues dos Santos, o CDS recuperava em 15 dias 3 pontos percentuais nas sondagens. Ou mais. Combativo, a fazer oposição, com discurso articulado e explicando a argumentação do partido — coisa que FRS é incapaz de fazer.

Mesmo palco, mesmo tempo, sai o presidente da IL, João Cotrim de Figueiredo. Penso alto: tem a direita duas pessoas assim e anda a remexer no populismo com os venturas e rios da vida, vivemos tempos politicamente complexos e tristes. Que país.

O PSD encena um regresso ao centro, depois de Nuno Morais Sarmento ter ido ajoelhar a Belém. Não fazer ondas, estar do lado certo do combate à pandemia, a ver se corta nos danos da aVentura.

Opiniões

Rui Silva escreve sobre Inteligência Artificial: Portugal a caminho da smart education. Expresso 👉

Nuno Ramos de Almeida escreve sobre um novo modelo de desenvolvimento: O primeiro ano do resto das nossas vidas. Contacto 👉

Luís Delgado escreve sobre o tempo e a Pfizer: Quem se vacina primeiro? Visão 👉

João Rodrigues escreve sobre capitalismo e Estados: Socialismo ou o quê?. Ladrões de bicicletas 👉

Vital Moreira escreve sobre presidência e Conselho dos Estados-membros: Não Dá Para Entender (22): O Veto. CausaNossa 👉