Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

12 de setembro de 2007

Falsos positivos no Gmail: 4 em 100, hoje

Hoje procedi a nova limpeza ao filtro do spam do Gmail e a minha decepção aumenta. O número de falsos positivos foi de 4 nas últimas 100 mensagens.

Pior: 4% (quatro por cento) começa a ser preocupante.

Decidi iniciar uma contabilidade semanal para verificar a evolução ou involução, vai servir como um mini-barómetro da qualidade do Gmail. A crua verdade dos números: 10 mensagens que fui recuperar à pasta de spam apenas nos últimos dois dias, desde que no dia 10 escrevi um post sobre a minha quebra de confiança no Gmail. E pelos vistos o problema não me afecta só a mim: a avaliar pelas reacções dos leitores expressas nos comentários, está a afectar muita gente — e alguns foram alertados para a situação pela leitura desse texto.

As pessoas querem que as coisas funcionam bem. Se, quando fazem online outras coisas — como jogar jogos de poker (partypoker.com português) ou assistir a um vídeo — não têm quaisquer problemas, então por que têm de se confrontar com um problema com seu e-mails? É importante que as pessoas estejam cientes do que está acontecendo e será isso que tentarei fazer, mantê-los alertados para eventuais problemas.

Tentarei manter a contabilidade organizada com a publicação do resultado da semana às quartas-feiras. Os vossos contributos serão úteis. Indiquem-me as vossas percentagens detectadas de falsos positivos (mensagens que foram erradamente colocadas como spam pelo sistema do Gmail, que é um sistema misto máquina-humanos) para termos uma ideia melhor da profundidade do problema.