Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

26 de outubro de 2006

Internet Explorer 7 e Firefox 2

A propósito do post de jcd confirmando que cerca de 1/4 dos visitantes do Blasfémias usam o browser Firefox (esta semana chegou a versão 2), cabe acrescentar, ou realçar, alguns pontos.

1. A ascensão do Firefox tem sido estável desde o seu lançamento, ainda como projecto Mozilla, em 2003. O gráfico mundial é elucidativo.

2. Muita gente continua a desprezar esta notória e insistente tendência.

3. Em Outubro, mês de lançamento do muito anunciado IE7, a tendência mantém-se e a quota mundial do Firefox ultrapassou a fasquia dos 28%.

4. A quota é variável e ler as variações é retirar indicações sobre o que esperar do comportamento do público em geral. Em sites frequentados por gente mais nova e/ou com maior grau de ligação à tecnologia e/ou com maior experiência de utilização da web, a quota do Firefox chega a passar os 50%. Nos portais generalistas verificar-se-á o contrário.

Neste blog, e a título de complementaridade, em Outubro a percentagem de utilizadores do Firefox ultrapassou os 39%, estando a 11 pontos percentuais dos utilizadores do Internet Explorer (ver aqui).

Escrevi sobre o IE7 no Expresso online esta semana (link).