Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

24 de janeiro de 2008

O preço do sucesso (na web)

Leu o comentário e ficou levemente irritado. O seu blogue atraía leitores cada vez mais iletrados — pensou. Com frequência crescente, perguntavam-lhe as coisas mais óbvias nos comentários. Coisas como a morada da instituição xis ou do projecto ípsilon!

Era mais um.

Resignado, foi ao Google e googlou o nome da instituição que a estudante do secundário (pelo tipo e escrita, era de certeza uma estudante do secundário) não era capaz de descobrir nem que lha pusessem na barra de endereços.

Subitamente, compreendeu porque era destinatário de cada vez mais perguntas e que o problema não era do nível de literacia.

Os dois primeiros resultados do Google para aquela pesquisa eram do seu blogue.