Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

9 de novembro de 2007

O Saber não ocupa lugar (à atenção do aeiou, Clix, IOL e TubarãoEsquilo)

Com este projecto o Sapo pretende na realidade aumentar o tempo que os seus utilizadores passam no portal assim como reforçar a sua liderança na internet em Portugal e claro está as receitas. Se os senhores dos portais concorrentes ainda não perceberam o esquema, aqui fica o plano de ataque do Sapo aos seus pageviews” (António Dias, no Marketing de Busca).

Também já falei do saber do sapo neste post. O António é menos emotivo que eu )

Até que era giro ter o saber.tubaraoesquilo.pt, mas na verdade não tenho tempo para copiar a Wikipedia. No entanto, se houver por aí um candidato a montar a coisa, ofereço um split de 60-40 nas receitas.

Há modelos de negócio fantásticos, não há?

economia

Partilhar na web