Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

22 de janeiro de 2006

Pobre Luisinho

POBRE LUISINHO. Acabou o sonho dele. Com “o presidente oriundo da nossa área política” a assegurar a governabilidade do país, nem pondo-se em bicos de pés Marques Mendes terá visibilidade nos próximos anos. Diria mesmo mais: nunca mais terá visibilidade. E dentro de três anos o partido deles estará muito longe de poder disputar as eleições a Sócrates — a quem basta manter o barco a navegar.