Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

22 de janeiro de 2006

Seis décimas

SEIS DÉCIMAS. O Presidente da República eleito terá de ter muito cuidado com o que diz (já não digo com o que faz). Se quer ser presidente de todos os portugueses reeleito em 2011, não se poderá esquecer que a diferença que lhe deu a vitória é aritmeticamente suficiente e socialmente irrelevante. A margem de manobra é de meio(!) ponto percentual.