Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

16 de outubro de 2007

Um ateu sente-se revoltado, pois claro que se sente revoltado

O mundo é dos crentes. Isto um gajo ser ateu é cada vez mais complicado. Queres ser presidente dos EUA? Arranjar emprego? Vai à igreja/sinagoga/wherever. Moral? Religião. Saúde? Graça Divina. Ciência? Dogma. Direitos? Esmola.

É complicado. Um gajo está em minoria e a pressão sobre ele é cada vez maior. É assim tipo mexilhão, entalado entre as fezadas dos outros. E como os mexilhões, um dia destes, zungas.

Caro josé, importa-se de ler isto, no seguimento da nossa conversa?