Certamente!

Paulo Querido. Na Internet desde 1989

30 de dezembro de 2005

Vanitas (ou a auto-crítica fora de tempo)

VANITAS (OU A AUTO-CRÍTICA FORA DE TEMPO). «Interessante a proliferação de pequenos truques nos blogues para aumentar as contagens dos medidores de audiências: colocação dos contadores logo à cabeça, até antes dos reclames (deve ser por razões puramente experimentais), aumento exponencial das autoreferências com ligações internas, por aí adiante. Espelho meu, espelho meu…», escreveu Pacheco Pereira.

E para quem escreveu Pacheco Pereira?

Terá sido para um ou dois, quiçá três dos jovens turcos que promoveu repetidamente ao longo de dois anos e a quem parece hoje querer dar um rapanete por terem, oh dantescos horrores!, ultrapassado o mestre na Grande Escala Das Pequenas Importâncias Da Blogosfera?

Ou para si próprio, em jeito de auto-crítica por ter sido o primeiro blogger português a gabar-se publica e notoriamente — não num mas em pelo menos oito posts (clique aqui) — das suas audiências e dos seus recordes, originando a moda das “causas umbilicais” que dura até hoje?

[ Para breve -- mas em versão paga: os links do mais visitado blog português através dos tempos - contributo para o estudo acerca da estatégia de JPP no espaço mediático lusitano. ]